Haiti, o que é que faltará acontecer-lhes?

Haiti, o que é que faltará acontecer-lhes?

Mensagempor Arp » Sexta-Feira 15 Janeiro 2010, 21:40





Imagem
“Cindy Terasme chora e clama por ajuda depois de ver que o irmão Jean Dersmorne, de 14 anos, morreu no desabamento da escola St. Gerard, em Porto do Príncipe”


Imagem


Imagem


Imagem


Imagem


Imagem


Imagem


Imagem


O que é que faltará acontecer-lhes? :(
O saber, o aprender o novo, só não encontra espaço em cabeças que já estão cheias, principalmente de ideias preconcebidas.
Arp
Avatar do Utilizador
Arp
Sargento-mor
Sargento-mor
 
Mensagens: 3414
Registado: Sábado 13 Outubro 2007, 14:02

Re: O que é que faltará acontecer-lhes?

Mensagempor zézen » Sexta-Feira 15 Janeiro 2010, 22:53

O que é que faltará acontecer-lhes?


Sim, de facto o que é que faltará acontecer-lhes !? Nem a natureza lhes é favoravel.

Quando se està na merda, até os cães nos mijam pros pés. :(
a.o.s., foi, é, e serà sempre, um F.D.P.
Avatar do Utilizador
zézen
tem opinião sobre tudo, e sobretudo opinião
tem opinião sobre tudo, e sobretudo opinião
 
Mensagens: 5151
Registado: Sexta-Feira 12 Outubro 2007, 17:10
Localização: Cidade cinzenta

Re: O que é que faltará acontecer-lhes?

Mensagempor zézen » Sábado 16 Janeiro 2010, 00:21

Imagem

Imagem


HAITI (palácio presidencial) - imagem que vale por mil palavras…

Surgem em catadupa imagens de devastação e de horror no Haiti.
Port-au-Prince é um gigantesco amontoado de escombros.

Instalam-se por todo o lado equipas internacionais de socorro e busca. O tráfego aéreo na capital está à beira da saturação, com a intensa movimentação aerotransportada de variados apoios sanitários, alimentares e de reconstrução.

Sabemos que em situações catastróficas como a do Haiti, todo o auxílio é deficitário, todos os esforços bem-vindos, todos os apoios insuficientes. O sofrimento da população haitiana sobrevivente incomensurável. As condições de sobrevivência difíceis e condicionadas pelo perigo da deterioração das condições de salubridade do ambiente, infestado de cadáveres abandonados nas ruas.

Os haitianos desesperam com a relativa demora do auxílio, sempre difícil de organizar para fazer face a uma situação dantesca, como a que se vive no Haiti.

Para os habitantes ainda soterrados – e serão aos milhares – todos os segundos contam.
Nos media vemos e ouvimos repetidas promessas de auxílio de Barak Obama, Sarkosy, Lula da Silva, etc.

Até Portugal, país a viver graves dificuldades económicas e financeiras, o Ministro da Administração Interna, Rui Pereira, tem-se desdobrado em múltiplas conferências de Imprensa, onde sublinha o modesto apoio português perante a imensidão da tragédia. Uma imagem que nos faz recordar o massacre mediático que ocorreu quando da tragédia de Entre-os-Rios. É óbvio que só podemos oferecer o que podemos e o que temos mas, no aproveitamento político da acção humanitária programada pelo Governo, temos sido pródigos na promoção desse apoio. Escandalosamente pródigos.

Mas, enquanto ouvinte assíduo dos noticiários, há já algum tempo que me interrogo:
- Onde estão as autoridades haitianas?

O actual presidente René Garcia Préval começou a sua carreira política, diria antes cívica, por militar na associação de solidariedade social "La Fanmi Selavi" (“A Família é a vida”). Será, em princípio, um homem com uma sólida cultura humanitária e portador de uma profunda sensibilidade social.

Não consegui ver uma única imagem de René Préval, na rua, no meio de uma população à beira do desespero ou no seio das equipas de salvamento e de resgate de sobreviventes. A impressão que prevalece é que o Governo do Haiti sucumbiu com o terramoto.
Aliás, há uma imagem extremamente esclarecedora que tem sido transmitida, repetidamente, nos meios de comunicação social e que reproduzimos no cabeçalho deste post.

Refiro-me ao desabamento do Palácio Presidencial que parece ter arrastado consigo os órgãos do poder para as entranhas da Terra.
Esta é uma imagem que carrega um pesado simbolismo.

Ou, se quisermos, existem imagens que valem por mil palavras...
http://ponteeuropa.blogspot.com/
a.o.s., foi, é, e serà sempre, um F.D.P.
Avatar do Utilizador
zézen
tem opinião sobre tudo, e sobretudo opinião
tem opinião sobre tudo, e sobretudo opinião
 
Mensagens: 5151
Registado: Sexta-Feira 12 Outubro 2007, 17:10
Localização: Cidade cinzenta

Re: O que é que faltará acontecer-lhes?

Mensagempor XôZé » Sábado 16 Janeiro 2010, 02:55

UOL Escreveu: Cônsul haitiano no Brasil culpa "macumba" por tragédia.
:arrow: http://mais.uol.com.br/view/1575mnadmj5 ... 6?types=A&
Imagem
Avatar do Utilizador
XôZé
Mouro
Mouro
 
Mensagens: 5218
Registado: Sexta-Feira 12 Outubro 2007, 02:12

Re: O que é que faltará acontecer-lhes?

Mensagempor Viriato » Sábado 16 Janeiro 2010, 09:29

Arp Escreveu:
O que é que faltará acontecer-lhes? :(



Deus quando fez o Mundo, disse :
Haverá homens grandes e homens pequenos
Haverá homens bonitos e homens feios
Haverá homens ricos e homens pobres
Haverá homens brancos e homens pretos

e depois acrescentou : " para aqueles que forem, pequenos, feios, pobres e pretos, para esses a vida vai ser muito fodida " !
Imagem
Sou capaz do melhor como do pior, mas no pior, sou eu o melhor !
Avatar do Utilizador
Viriato
Manda chuva
Manda chuva
 
Mensagens: 3077
Registado: Segunda-Feira 8 Outubro 2007, 16:38
Localização: Cidade Luz

Re: O que é que faltará acontecer-lhes?

Mensagempor Viriato » Sábado 16 Janeiro 2010, 10:06

Como todos repararam, neste tipo de desgraça, ruíram os prédios, mas nem neste caso, nem nos outros que já aconteceram no resto do Mundo, NUNCA VI nenhuma grande empresa de construção, assim tipo SOCONSTROI, dizer que lhes iam oferecer 1 ou 2 edifícios à borla, como ajuda !
Imagem
Sou capaz do melhor como do pior, mas no pior, sou eu o melhor !
Avatar do Utilizador
Viriato
Manda chuva
Manda chuva
 
Mensagens: 3077
Registado: Segunda-Feira 8 Outubro 2007, 16:38
Localização: Cidade Luz

Re: O que é que faltará acontecer-lhes?

Mensagempor XôZé » Sábado 16 Janeiro 2010, 19:42

Ao que julgo saber, o Haiti trata-se de um não-País, uma perfeita anarquia onde há muito que não existe governo e as golpadas são uma constante e a corrupção campeia.

Uma espécie de Serra Leoa, Libéria, Borundi, Ruanda...

Se no berço africano não se governam, esperavam o quê nas caraíbas.

Depois Deus castiga.
Imagem
Avatar do Utilizador
XôZé
Mouro
Mouro
 
Mensagens: 5218
Registado: Sexta-Feira 12 Outubro 2007, 02:12

Re: O que é que faltará acontecer-lhes?

Mensagempor Arp » Sábado 16 Janeiro 2010, 19:55

Então o que aconselhas ao teu deus em seguida? Bombas atómicas?
O saber, o aprender o novo, só não encontra espaço em cabeças que já estão cheias, principalmente de ideias preconcebidas.
Arp
Avatar do Utilizador
Arp
Sargento-mor
Sargento-mor
 
Mensagens: 3414
Registado: Sábado 13 Outubro 2007, 14:02

Re: O que é que faltará acontecer-lhes?

Mensagempor Viriato » Sábado 16 Janeiro 2010, 20:04

Arp Escreveu:Então o que aconselhas ao teu deus em seguida? Bombas atómicas?


olha là, Deus escreve-se com letra grande ! :chapada:
Imagem
Sou capaz do melhor como do pior, mas no pior, sou eu o melhor !
Avatar do Utilizador
Viriato
Manda chuva
Manda chuva
 
Mensagens: 3077
Registado: Segunda-Feira 8 Outubro 2007, 16:38
Localização: Cidade Luz

Re: O que é que faltará acontecer-lhes?

Mensagempor XôZé » Sábado 16 Janeiro 2010, 20:18

Arp Escreveu:Então o que aconselhas ao teu deus em seguida? Bombas atómicas?


Não percebeste o sentido da coisa. :mrgreen:

A minha abordagem foi apenas política. :whistle:
Imagem
Avatar do Utilizador
XôZé
Mouro
Mouro
 
Mensagens: 5218
Registado: Sexta-Feira 12 Outubro 2007, 02:12

Próximo

Voltar para Actualidade Internacional

Quem está ligado:

Utilizadores a ver este Fórum: Nenhum utilizador registado e 2 visitantes

cron