O QUE ELES DIZEM ...

Re: O QUE ELES DIZEM ...

Mensagempor Viriato » Segunda-Feira 8 Março 2010, 23:13

Tovi Escreveu:
Max Escreveu:(...) tratamos um juiz por Exmº e depois quando falamos entre nós não dizemos "O **** do juíz"

Exactamente!... E quem não conseguir distinguir uma conversa privada de uma pública não tem o direito de mandar bocas, seja a quem for.


as ****, significam filho da **** ou cabr~**** ? :risada:
Imagem
Sou capaz do melhor como do pior, mas no pior, sou eu o melhor !
Avatar do Utilizador
Viriato
Manda chuva
Manda chuva
 
Mensagens: 3077
Registado: Segunda-Feira 8 Outubro 2007, 16:38
Localização: Cidade Luz

Re: O QUE ELES DIZEM ...

Mensagempor Max » Terça-Feira 9 Março 2010, 09:06

Viriato Escreveu:
Tovi Escreveu:
Max Escreveu:(...) tratamos um juiz por Exmº e depois quando falamos entre nós não dizemos "O **** do juíz"

Exactamente!... E quem não conseguir distinguir uma conversa privada de uma pública não tem o direito de mandar bocas, seja a quem for.


as ****, significam filho da **** ou cabr~**** ? :risada:


:) Por acaso quando escrevi pensei em cabr****
Mas é à vontade do autor da frase!
Avatar do Utilizador
Max
Grão Mestre
Grão Mestre
 
Mensagens: 1075
Registado: Terça-Feira 29 Julho 2008, 00:14
Localização: Lisbone

Re: O QUE ELES DIZEM ...

Mensagempor zézen » Terça-Feira 9 Março 2010, 10:41

Por acaso quando li pensei em Doutor. :mrgreen:
a.o.s., foi, é, e serà sempre, um F.D.P.
Avatar do Utilizador
zézen
tem opinião sobre tudo, e sobretudo opinião
tem opinião sobre tudo, e sobretudo opinião
 
Mensagens: 5151
Registado: Sexta-Feira 12 Outubro 2007, 17:10
Localização: Cidade cinzenta

Re: O QUE ELES DIZEM ...

Mensagempor zézen » Quarta-Feira 10 Março 2010, 10:02

Se isto não vai com eleições vai à força.
Há traços de navalhas a cortar o ar que se respira. A frase: «Manuel Godinho tem tanto direito à presunção de inocência como o primeiro-ministro José Sócrates» faz parte de um «pensamento» que se derrama diariamente em jornais e blogues, sobretudo à direita. O primeiro-ministro tem tanto direito à presunção de inocência, no sentido em que esta expressão é utilizada, como Cavaco Silva, Manuela Ferreira Leite, Paulo Portas, Paulo Rangel ou como o autor da frase, assim como todos os portugueses, não porque decorra da Lei, mas porque não são arguidos em nenhum processo judicial. A história está repleta de exemplos em que a Direita utilizou o exército para derrubar governos democraticamente eleitos. Em Portugal, no século XXI, a direita quer utilizar a polícia. Não há respeito por leis, nem por tribunais. Há só uma obsessão: derrubar por qualquer meio o governo que resultou das eleições e atacar todos os que defendem que um governo eleito deve governar até novas eleições. E há muito boa gente a alinhar nesta tramóia anti-democrática. Uns, eu compreendo: esta «coisa» da democracia deixa-os em estado de choque; outros, não entendo porque em vez de apresentarem soluções para o país , preferem a «solução policial».

Por Tomás Vasques às 22:01

http://hojehaconquilhas.blogs.sapo.pt/
a.o.s., foi, é, e serà sempre, um F.D.P.
Avatar do Utilizador
zézen
tem opinião sobre tudo, e sobretudo opinião
tem opinião sobre tudo, e sobretudo opinião
 
Mensagens: 5151
Registado: Sexta-Feira 12 Outubro 2007, 17:10
Localização: Cidade cinzenta

Re: O QUE ELES DIZEM ...

Mensagempor Tovi » Quarta-Feira 10 Março 2010, 20:47

Estou completamente de acordo com esta posição pública que a Associação de Cidadãos do Porto deu hoje a conhecer:

Posição sobre o Progama de Estabilidade e Crescimento (PEC)

Foi ontem anunciado pelo Governo, enquadrado no PEC, o adiamento de 2 anos das ligações ferroviárias de alta velocidade entre o Porto e Lisboa (de 2015 para 2017) e entre o Porto e Vigo (de 2013 para 2015).
A Associação de Cidadãos do Porto (ACdP) compreende, responsavelmente, as dificuldades orçamentais que o País atravessa e a necessidade de controlo dos gastos públicos nos próximos anos, contudo não concorda com nova penalização da Região Norte, que representa 45% da população e 60% das exportações portuguesas.
A ACdP exige que o PEC seja revisto, para que os cortes no investimento e seus benefícios sejam redistribuídos equitativamente, incluindo todo o projecto do TGV e não apenas as ligações que afectam Braga, Porto, Aveiro, Coimbra e Leiria, através do adiamento da ligação Lisboa-Madrid ou do reassumir dos compromissos anteriormente firmados com as populações do Norte.
O Governo, ao propôr este PEC, não repensa os grandes projectos de investimento de forma a torná-los adequados à actual conjuntura, optando por sacrificar exclusivamente a Região Norte, ao adiar ambas as ligações ao Porto, enquanto mantém intocados todos os grandes projectos de investimento na região de Lisboa, como o novo aeroporto e a ligação por TGV a Madrid, numa atitude de manifesta e assumida falta de solidariedade e de coesão nacional.
Recordamos que o Norte representa 45% da população e 60% das exportações portuguesas, e que não pode ser simultaneamente privado da ligação a Vigo, essencial para a competitividade das suas exportações, e forçado a contribuir através dos seus impostos para a construção da ligação de Lisboa a Madrid, um projecto do qual não beneficia e que todos os estudos indicam que é financeiramente deficitário. Notamos também, que está previsto no PEC a introdução de portagens nas SCUT, medida altamente penalizadora para a Região, deixando de fora, contudo, a algarvia Via do Infante, no que é mais uma discriminação injustificada.
Sugerimos em particular que o projecto da alta velocidade em Portugal seja adequado à realidade do País, reconvertendo as linhas previstas para velocidades entre os 200 e os 250 kms / hora, adoptando tráfego misto de mercadorias e passageiros em bitola europeia e prioritizando as ligações aos aeroportos e entre capitais de distrito.
A Associação de Cidadãos do Porto (ACdP – www.acdporto.org) é um movimento apartidário, que tem como único propósito a defesa dos interesses colectivos da Área Metropolitana do Porto e da Região Norte. A ACdP assume-se como uma plataforma de debate, de apresentação de propostas e de acção efectiva, onde através da congregação e mobilização de esforços e vontades, os cidadãos da AM Porto e Norte poderão voltar a ter uma palavra a dizer sobre o seu Futuro.
http://tovi.blogs.sapo.pt
"Devido à velocidade da luz ser superior à do som, algumas pessoas parecem inteligentes até as ouvirmos."
Avatar do Utilizador
Tovi
Resmungão
Resmungão
 
Mensagens: 2577
Registado: Terça-Feira 9 Outubro 2007, 21:28
Localização: Porto - Portugal

Re: O QUE ELES DIZEM ...

Mensagempor Reboredo » Quarta-Feira 10 Março 2010, 23:57

Tovi escreveu:

Estou completamente de acordo com esta posição pública que a Associação de Cidadãos do Porto deu hoje a conhecer:



Pelas dificuldades económicas que o país vive, eu não estou de acordo com posição da Associação de Cidadãos do Porto, nem com a do Tovi, como também não estou de acordo com a que manifestaram Personalidades do Norte em relação à suspensão por dois anos da ligação em alta velocidade entre Porto-Vigo e Porto-Lisboa.

Se "A Associação de Cidadãos do Porto (ACdP) compreende, responsavelmente, as dificuldades orçamentais que o País atravessa e a necessidade de controlo dos gastos públicos." Com esta compreensão porque não pergunta, por comparação com outras medidas do PEC a Associação de Cidadãos do Porto, O Tovi, as Personalidades do Norte as razões porque o PEC impõe para o Norte a suspensão por dois anos da ligação em alta velocidade entre Porto-Vigo e Porto-Lisboa, o pagamento das Scuts no Norte e mantenha o novo Aeroporto e a nova travessia sobre o Tejo para Lisboa ou o não pagamento das Scuts no Algarve.

Será que há mesmo falta de ética? Valores ...
Sempre sempre não, mas sempre sempre até é bom.
Avatar do Utilizador
Reboredo
Furriel
Furriel
 
Mensagens: 1175
Registado: Quinta-Feira 11 Outubro 2007, 18:23
Localização: Brx.

Re: O QUE ELES DIZEM ...

Mensagempor Tovi » Quinta-Feira 11 Março 2010, 09:52

Este PEC não é propriamente mau e até já foi elogiado por organismos internacionais, mas no que se refere aos timings e prioridades das ligações ferroviárias em TGV, não é, no meu entender, o melhor para Portugal. Estou de acordo que a ligação Porto - Lisboa não é prioritária, mas já não concordo que a melhor ligação a Espanha seja a partir da Capital. Uma ligação em TGV à Europa a sair pelo Norte iria não só dinamizar as infra-estruturas do Aeroporto Sá Carneiro e do porto de Leixões, mas também valorizar a tão esquecida e abandonada Região Norte, onde 45% da população nacional produz 60% das exportações portuguesas.
http://tovi.blogs.sapo.pt
"Devido à velocidade da luz ser superior à do som, algumas pessoas parecem inteligentes até as ouvirmos."
Avatar do Utilizador
Tovi
Resmungão
Resmungão
 
Mensagens: 2577
Registado: Terça-Feira 9 Outubro 2007, 21:28
Localização: Porto - Portugal

Re: O QUE ELES DIZEM ...

Mensagempor zézen » Quinta-Feira 11 Março 2010, 10:13

Talvez não seja demais lembrar que, à excepção das auto-estradas na Bélgica, totalmente iluminadas e gratuitas para quem viaja no paìs, os restantes paìses fazem pagar todo e qualquer pequenissimo troço do percurso. Entrar e saìr de uma aldeia obriga a pagamento.

Compreendo a posição dos cidadãos do Porto. Concordo que politica e socialmente a defendam, no entanto, perante as actuais dificuldades do paìs, não penso que fosse melhor fazer 300 km da linha TGV Lisboa/Madride e outros 300 km na linha Lisboa/Vigo.
A linha Lisboa/Madride deve ser vista como projecto de ambito nacional e não de vontades ou necessidades regionais.
O regionalismo é necessàrio e importante mesmo quando hà à mistura, mafias camaràrias.
O ti D. rui rio, estava contra os projectos do TGV, agora aparece como arauto ofendido, sò porque se atrasa o projecto. Dà que pensar !? :?
a.o.s., foi, é, e serà sempre, um F.D.P.
Avatar do Utilizador
zézen
tem opinião sobre tudo, e sobretudo opinião
tem opinião sobre tudo, e sobretudo opinião
 
Mensagens: 5151
Registado: Sexta-Feira 12 Outubro 2007, 17:10
Localização: Cidade cinzenta

Re: O QUE ELES DIZEM ...

Mensagempor Tovi » Segunda-Feira 15 Março 2010, 19:06

O Ti Belmiro às vezes tem piada... :grin:

Belmiro critica novo escalão de IRS após reunião com Cavaco

Belmiro de Azevedo diz que a criação de um novo escalão de IRS de 45% vai condicionar o investimento e o consumo.
"Isso é retirar o poder de investir às empresas e o poder de consumir aos consumidores. É por aí que se vai porque é a parte mais fácil", disse hoje o empresário, que esteve reunido com o Presidente da República durante cerca de uma hora.
"Nenhum de nós que estamos aqui tem capacidade de lançar impostos sobre os outros. O Estado não deve fazer isso também. Deve cobrar só aquilo que a sociedade pode pagar", acrescentou o patrão da Sonae.

Notícia completa aqui: http://economico.sapo.pt/noticias/belmi ... 84157.html
http://tovi.blogs.sapo.pt
"Devido à velocidade da luz ser superior à do som, algumas pessoas parecem inteligentes até as ouvirmos."
Avatar do Utilizador
Tovi
Resmungão
Resmungão
 
Mensagens: 2577
Registado: Terça-Feira 9 Outubro 2007, 21:28
Localização: Porto - Portugal

Re: O QUE ELES DIZEM ...

Mensagempor XôZé » Terça-Feira 16 Março 2010, 21:33

SEM PALAVRAS (nem carece)... :content: :content: :content: :content: :content: :content:



:respect:
Imagem
Avatar do Utilizador
XôZé
Mouro
Mouro
 
Mensagens: 5218
Registado: Sexta-Feira 12 Outubro 2007, 02:12

AnteriorPróximo

Voltar para Politica

Quem está ligado:

Utilizador a ver este Fórum: Nenhum utilizador registado e 1 visitante

cron