José Sócrates na Alfândega do Porto

José Sócrates na Alfândega do Porto

Mensagempor Tovi » Sábado 20 Fevereiro 2010, 21:02

A malta do Partido Socialista queixava-se que o seu Secretário-Geral devia intensificar a actividade junto dos militantes e compreende-se, pois ninguém gosta de um chefe que está distante, que não dialoga com as bases e que deixa todos à turra e à massa.
E por isso se realizou na tarde de hoje, na Alfândega do Porto, uma reunião de militantes com José Sócrates.

Eu estive lá, pois embora não seja filiado no PS a verdade é que tive o privilégio de me permitirem estar presente nesta importante reunião dos socialistas do Norte. E gostei de ouvir o Primeiro-Ministro tecer duras críticas "à sucessão de publicação de escutas telefónicas", considerando que "é um crime" e garantindo que "o partido e este secretário-geral não temem nenhuma divulgação de escutas". Sócrates veio "ao Porto para mobilizar o PS e para convocar o partido socialista para a intervenção no debate político e no debate público em Portugal". E concluiu dizendo que "o PS vai lutar pela decência na vida pública portuguesa e vai lutar também para que nesse debate público estejam presentes verdadeiramente os desafios e as opções do nosso país, as questões que interessam ao desenvolvimento".

Após esta reunião o Primeiro-Ministro seguiu directamente para a Madeira, onde um violento temporal já causou mais de trinta vítimas mortais.
http://tovi.blogs.sapo.pt
"Devido à velocidade da luz ser superior à do som, algumas pessoas parecem inteligentes até as ouvirmos."
Avatar do Utilizador
Tovi
Resmungão
Resmungão
 
Mensagens: 2577
Registado: Terça-Feira 9 Outubro 2007, 21:28
Localização: Porto - Portugal

Re: José Sócrates na Alfândega do Porto

Mensagempor zézen » Domingo 21 Fevereiro 2010, 06:26

Meu caro Tovi.
Enquanto que militante do PS, compreendo que Socrates sendo PM não tenha agenda para acompanhar a vida interna do PS, para isso, hà secretàrios de organização, secretàrios nacionais, etc, e são esses que deveriam estar mais perto das federações e secções. Infelizmente não é isso que acontece porque, estão mais ocupados em saber como é que poderão fazer carreira governativa.

Sempre que um partido fica com a responsabilidade de governar, é natural que o funcionamento interno enfraqueça a nivel de quadros. O ideal seria que os PM desistissem de ser secetàrios gerais quando são PM.

Porque razão é que deve haver acumulação de cargos ? È mau para o paìs e mau para o partido. Estatutàriamente hà maneira de se alterar esta situação, sem que para isso caia o carmo ou feche a Cervejaria Trindade.

Folgo em ver que não é preciso ser militante para assistir a reuniões do PS, isso no PS é normal. Não é totalmente uma igreja mas tem porta aberta.
A nivel de tolerancia e respeito pela cidadania das pessoas, o PS não tem nada a aprender com a fina flor dos outros partidos.

Um Abraço.
a.o.s., foi, é, e serà sempre, um F.D.P.
Avatar do Utilizador
zézen
tem opinião sobre tudo, e sobretudo opinião
tem opinião sobre tudo, e sobretudo opinião
 
Mensagens: 5151
Registado: Sexta-Feira 12 Outubro 2007, 17:10
Localização: Cidade cinzenta

Re: José Sócrates na Alfândega do Porto

Mensagempor Tovi » Domingo 21 Fevereiro 2010, 08:21

zézen Escreveu:(...) compreendo que Socrates sendo PM não tenha agenda para acompanhar a vida interna do PS (...)

Não está descabido de razão o que acabas de dizer, quanto à “confusão” que por vezes há com as funções de Primeiro-Ministro e Secretário-Geral de um partido.
http://tovi.blogs.sapo.pt
"Devido à velocidade da luz ser superior à do som, algumas pessoas parecem inteligentes até as ouvirmos."
Avatar do Utilizador
Tovi
Resmungão
Resmungão
 
Mensagens: 2577
Registado: Terça-Feira 9 Outubro 2007, 21:28
Localização: Porto - Portugal


Voltar para Politica

Quem está ligado:

Utilizador a ver este Fórum: Nenhum utilizador registado e 1 visitante

cron